Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.

Notícias

Isabel Ravara: a broker movida pelo rigor e eficiência

13.09.2019

A minha opção não foi a mediação imobiliária, mas a marca RE/MAX. Um conceito totalmente inovador, na altura, que nos punha a trabalhar em rede, aproveitando a sinergia de todos, em benefício de cada Cliente.

A RE/MAX propunha trabalhar em exclusividade, na angariação, o que permitia a máxima divulgação dos imóveis perante todos os interessados, clientes particulares ou profissionais, independentemente da marca que representavam, num sistema simples e transparente. Era o mercado a funcionar, no mais amplo sentido. O preço final resultava do equilíbrio oferta / procura, com o máximo benefício para quem vendia e para quem comprava.

Surpreendentemente, um conceito tão americanizado, teve enorme sucesso em Portugal. Até para nós, que fomos dos pioneiros na marca, superou totalmente as expectativas.

Estava quase tudo por fazer, principalmente o conceito de Serviço ao Cliente. Organizar os procedimentos, formar as Equipas, adequar a comunicação, diversificar os serviços, no fundo, criar uma plataforma segura, profissional, com identidade própria. Os Clientes sabiam com quem estavam a trabalhar, os Consultores sabiam quem os estava a apoiar, sempre.

Aproveitámos os momentos de maior crise, para crescer, diversificar o conceito de mediação imobiliária. Criámos a primeira RE/MAX Collection em Portugal, preparada para trabalhar o mercado de luxo, dedicámo-nos ao Agro-Business, à gestão de activos. Nas épocas mais generosas, consolidámos resultados.    

No universo RE/MAX, somos o SIIMGROUP. Perante os nossos parceiros, perante o mercado, perante os Clientes individuais, procuramos manter uma postura low profile, com uma comunicação própria, oferecendo o maior trunfo da marca RE/MAX: um exército de 7.000 Consultores, preparados para vender as nossas angariações!

Talvez o maior contributo de todos, tenham sido as carreiras que ajudámos a desonvolver, num modelo empresarial, adequado a cada pessoa, aos seus objectivos, ao seu projecto de vida.

Segredos para obterem sucesso? Não conheço. Trabalhar muito, ajuda, se for com paixão!